Motor-de-partida-e-alternador-cuidados-reparação

Motor de partida e alternador: cuidados e reparação

Seja nos veículos pesados utilizados nas grandes frotas das empresas ou em carros de passeio e caminhonetes, existem dois componentes que contam com o mesmo princípio de funcionamento e precisam de cuidados para evitar falhas e não ficar na mão: motor de partida e alternador. Apesar de muitos motoristas confundirem os equipamentos, eles possuem funções distintas.

Componente vital para o funcionamento do sistema, o motor de partida é responsável pelo acionamento do motor. O item, que também é conhecido como motor de arranque e serve para fazer o motor girar, é acionado quando a chave do veículo é girada.

Já o alternador tem a função de alimentar o sistema elétrico de todo o veículo através da recarga da bateria – ele faz funcionar equipamentos como lanternas, rádio, faróis, painel eletrônico e o próprio motor de partida. Por manter o nível de energia das baterias, o componente precisa estar alinhado com a tensão exigida pelo equipamento para que todos tenham um funcionamento regular.

As principais funções do alternador são:

  • Responsável por carregar a bateria
  • Fornece energia para o funcionamento dos componentes eletrônicos do veículo, como faróis e rádio
  • Economiza o gasto de bateria com o motor em uso

Motor de partida e alternador também podem ter problemas caso não sejam utilizados de maneira correta. Para evitar danos aos equipamentos, você verá neste post quais cuidados podem ser adotados para aumentar a vida útil dos itens e, caso seja necessário uma reparação, alternativas econômicas para o conserto, como a remanufatura.

Cuidados com os componentes

Por consumir muita energia das baterias, já que ele é responsável pelo acionamento de todos os demais componentes do motor, o motor de partida foi desenvolvido pelos fabricantes para funcionar em um curto período de tempo – especialistas recomendam que o tempo de acionamento de veículo não seja superior a 10 segundos após a partida.

Caso o motor não funcione ao dar a partida, é importante aguardar pelo menos 30 segundos para girar a chave novamente e, assim, evitar uma sobrecarga no equipamento. Além disso, há cuidados como evitar manter o motor de partida em funcionamento enquanto o motor não iniciar o funcionamento e ainda não acioná-lo se o veículo já estiver rodando.

Cuidados básicos para evitar falhas:

  • O tempo entre girar a chave e acionar o motor não deve ser superior a 10 segundos
  • Caso o motor não dê partida, aguardar pelo menos 30 segundo para acionar novamente
  • Evitar manter o motor de partida funcionando, com a chave do veículo girada, enquanto o veículo não funcione.

Caso esses cuidados não sejam tomados, o motor de partida pode superaquecer, queimando os componentes internos.

Com o alternador, também há maneiras de evitar o seu desgaste, prolongar a vida útil e manter o correto funcionamento dos componentes elétricos dos veículos. Conforme os fabricantes, é essencial sempre analisar a correia do equipamento a cada seis meses e, assim, evitar que ela fique frouxa ou muito esticada. 

Outra preocupação do proprietário é verificar se o item está preso ao esticador, assim como os terminais. As polias podem estar trincadas ou desgastadas, o que compromete o funcionamento do acionador. Em síntese, os cuidados são:

  • Verificar se as polias estão desgastadas ou trincadas
  • Fazer uma análise da correia do alternador a cada seis meses
  • Manter o alternador preso ao esticador
  • Conferir se os terminais do alternador estão alinhados corretamente

Falhas no motor de partida e alternador

Muitas vezes, os alternadores podem comprometer o correto funcionamento de todo o veículo devido às falhas. Nesse caso, é essencial buscar uma oficina especializada para verificar o problema. E o principal alerta é quando a luz da bateria que fica no painel fica oscilando ou sempre acesa.

O acionamento da luz pode revelar alguma deficiência no carregamento da bateria pelo alternador ou ainda desgastes nos componentes internos, como rolamentos e escovas. Também pode ser necessária a troca do item, que merece cuidados para manter seu bom estado de energia, como desligar sempre os faróis e o rádio quando o veículo estiver desligado e ainda não deixar o motor sem funcionar por vários dias seguidos.

Caso o veículo não funcione quando a chave é acionada, há possibilidade de haver algum problema no motor de partida. Mas antes, é recomendável checar itens como bobina, ignição e combustível, que são mais comuns de existirem falhas. A falta de energia causada pelo envelhecimento ou defeito na bateria é outro fator que pode comprometer o motor de partida, provocado pela baixa tensão ou os cabos mal conectados. 

Na Turbo Brasil, você encontra soluções completas em motor de partida e alternador das marcas Bosch e Delco Remy, Mitsubishi, Denso, Niehoff, Prestolite, e outros para veículos leves e pesados. A empresa ainda oferece remanufaturados que atendem os requisitos do mercado 

Mesmo tendo uma maior durabilidade na comparação com outros componentes, motor de partida e alternador estão propensos às falhas, principalmente provocada pelo mau uso. E nesses casos, a remanufatura pode ser a solução. Através dos mesmos procedimentos industriais dos fabricantes, empresas especializadas realizam a análise das peças e verificam quais itens têm defeito. Trocados e testados, o equipamento volta a funcionar com a mesma performance de um novo e com uma economia de até 40%.

Viu que precisa fazer a manutenção preventiva dos componentes ou reparar alguma falha que comprometa o funcionamento do veículo? Faça agora seu orçamento com a Turbo Brasil e garanta as melhores soluções do mercado.

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Categorias

Assine nossa newsletter

Fique por dentro das novidades da Turbo Brasil